quarta-feira, 25 de janeiro de 2017

INVISÍVEL


Tenho dito que ignoramos o que verdadeiramente importa... tornamo-nos invisíveis...

 


A vida incumbe de nos fazer ver que nem tudo é o pote de ouro no final do arco-íris (e eu espero que você tenha percebido isso). Às vezes o simples fato de encontrarmos um adjetivo no final dos trechos já nos é fabuloso. E, posso dizer-te, tudo que passamos pode ser esse prêmio no final de vários túneis... É um tanto estranho pararmos de pensarmos nos problemas e deixarmos apenas os momentos nos guiarem. MAS!!!... é exatamente isso, a gente não tem que pensar nos 'porém', nem muito menos nos 'contudo', ou nos 'entretanto', a gente precisa agir; verbos nesse caso são as melhores alternativas; senão dizer, a única que precisa ser pensada.

Perdemos tempo demais olhando os outros, verificando as demasias, julgando as diferenças. Usamos da nossa saúde apenas para criticar, apenas para olhar pra frente... Ignoramos os arredores; e pior, muitas vezes nos ignoramos.

O valor que damos hoje a algo é totalmente atrelado àquilo que damos maior ou menor importância... Há tanta coisa simples na vida, há tanta beleza que a gente não enxerga; que nos tapamos... Que olhamos e não vemos; que fingimos ser, mas não é (ou, o é); há tantas mentiras que fazemos e formulamos a nós mesmos; há tanta sabotagem, tanta!

São os prantos que nos movem; é choro que nos faz pensar melhor sobre o futuro. Não temos culpa do nosso passado, mas temos capacidade de mudar o nosso depois; e tudo isso depende único e exclusivamente do nosso presente. É clichê, mas é a mais pura realidade, seja ela cômica ou não. Há tantos por aí sofrendo por algo que você já tem; há tantos por aí buscando apenas sentir, enquanto você esta aí a ignorar todos os seus sentidos, sua natureza... Há tantas oportunidades perdidas; há tanta coisa mal compreendida... Infelizmente somos feitos de escolhas (eu sei como elas nos deixam aquém)... mas não podemos nos rebaixar, temos que nos levantar, porque o que foi não voltará, mas o que há por vir é sem dúvidas muito melhor, basta torná-lo como tal.

A sua saúde, sua natureza, a sua vida, são melhores do que qualquer coisa (outra). O mundo só é bem vivido quando damos importância a estes aspectos; a vida não é essa materialidade toda, nem são esses pensamentos todos, a vida é simples, e é muito rara, e é linda... Pense nisso... Pense no tempo perdido. NÃO SE FAÇA INVISÍVEL.
SOMOS UM INFINITO.

Nenhum comentário:

Postar um comentário